Não é novidade para quem me acompanha por aqui que as minhas sobremesas preferidas são aquelas que levam queijos cremosos, porque na minha opinião elas ficam mais leves, menos enjoativas, já que são doces na medida certa, e o tiramisu tem todas essas características. A receita de hoje vem lá do  Frango e Farofa da Elisa, um cantinho maravilhoso que vale muito a pena visitar para conferir as delícias que tem por lá. A receita desse tiramisú foge um pouco da convencional, já que na original utilizamos o queijo mascarpone e não vão claras em neves, apenas as gemas, mas na receita da Elisa utillizamos o cream cheese ao invés do mascarpone, e isso é muito legal, já que no Brasil há uma certa dificuldade para se encontrar o queijo mascarpone. Aqui na Alemanha encontramos o mascarpone na maioria dos supermercados, mas procurei uma receita adaptada  de tiramisú com cream cheese para que você se anime a fazê-la, eu até já fiz um outro tipo de tiramisú usando cream cheese, mas ela foi feita em tacinhas individuais (visualize aqui). Elisa, muito obrigada por compartilhar conosco essa gostosura de receita, com certeza ela terá repeteco aqui em casa!!!
Beijos e até a próxima!



Receita original aqui
Ingredientes:
03 ovos (claras e gemas separadas)
1/2 xícara de açúcar
230g de cream cheese
180 ml de creme de leite fresco
01 e 1/3 xícara de café bem forte (usei 01 colher de sopa de açúcar para adoçar)
02 colheres de rum (usei carta blanca mas acho que o ouro também fica bom) 
400g de biscoito tipo Champagne
Cacau em pó para polvilhar
Modo de preparo:
Comece batendo as claras em neve com metade do açúcar. Reserve.
Bata então as gemas com a outra metade do açúcar até ficar uma mistura bem clarinha e fofa. Nessa hora tem que ter paciência porque se não bater muito vai ficar amarelinho e com gosto de ovo. Então deixe a batedeira trabalhar.
Depois que estiver no ponto (um amarelo bem clarinho mesmo) acrescente o cream cheese. Continue batendo. Quando ficar homogêneo acrescente então o creme de leite fresco e bata mais um tempo. É pra bater mesmo, tem que ter calma. O creme de leite vai fazer a mistura ficar com uma consistência de chantilly. Quando chegar nesse ponto, incorpore delicadamente as claras em neve.
Coloque o rum e o café em uma travessa rasa (ou um prato fundo, aos poucos). Mergulhe os biscoitos nesse café e deixe dos dois lados por no mínimo uns 10 segundos (cada). Quando mais molhadinho mais gostoso - só tendo o cuidado de não deixar o biscoito desmanchar. 
Coloque os biscoitos arrumadinhos lado a lado no fundo de um pirex (ou tigelinhas individuais), cobrindo tudo. Despeje metade do creme e espalhe para ficar uniforme. Faça mais uma camada de biscoito e mais uma de creme. Por cima polvilhe o cacau em pó e leve para gelar por pelo menos três horas antes de servir.
CONSIDERAÇÕES DA ELISA, QUE ASSINO EMBAIXO:
"- Não adianta substituir o cacau em pó. Faz diferença! Eu fiz as tigelinhas com chocolate em pó para testar e não gostei muito. O cacau é bem melhor. E se quiser pode inclusive polvilhar um pouco na metade, entre as camadas também. 
- O café tem que ser forte mesmo hein! Café fraco não vai dar gosto. Quem gosta pode inclusive arriscar fazer sem açúcar. Eu coloquei só um pouco porque fiquei com medo de não gostar.
- Essa receita suja pouca vasilha, mas em compensação o segredo é deixar a batedeira trabalhar sem piedade. Se não bater tudo por bastante tempo o creme não dá o ponto certinho.
No mais é só se deliciar! Não achei que ficou devendo nada aos tradicionais feitos de mascarpone. Delícia, delícia, delícia!"
Bom apetite e volte sempre!